GUIMEL TAMUZ

GUIMEL TAMUZ

 O dia Guimel Tamuz é o dia em que infelizmente deixamos de ver o Rebe com os mansos olhos físicos, 1994. Isso, porém, é temporário, para dar a possibilidade a cada judeu de se esforçar e de se preparar, abrindo os olhos para ver que Moshiach já está aqui, e sair do Galut (exílio) para a redenção final. 

O que é um Rebe?

O Rebe é o Justo (Tzadik) que sustenta o mundo, é o Moises (Moshe) da geração e nutre cada judeu com a fé (Emunah) em Hashem (o Criador), orienta cada um em particular e todos em geral, para que cada um atinge seu objetivo particular e realize o goal pelo qual ele foi criado. O Rebe orienta e ajuda cada um para atingir seu objetivo na vida, e  realize sua vida  com sua propria personalidade e não com fanatismo como se fosse uma maquina com lavagem cerebral perdendo a personalidade....  O objetivo geral é o mesmo para cada um em particular: a revelação do Moshiach. Na verdade, não é possivel definir racionalmente e entender exatamente o que é um Rebe porque não temos o nível. Sua experiença com Hashem é tão proxima e tão transparente tão evidente, que não temos o nivel para entender materialemente como "funciona". A superioridade do Rebe da geração, é mais que a de um rei, então melhor não brincar, não b ancar o espertinho..... Ninguem é esquecido. O Rebe considera cada alma como parte dele mesmo. Lubavitch não é um Clube, .... somos todos nessa. Que quer ou não.

Quando tivermos, respeito, submissão e conexão (hiskashrus) adequados ao Rebe, aprendendo sua Torá e seguindo seus ensinamentos ao pé da letra sem mudar nada, seremos um bom recipiente para receber todo que precisa e participar do objetivo essencial da criação do mundo. Realizar nesse mundo o que Hashem quer. E fazer um mundo melhor, um mundo bom, uma casa para Hashem, digna de Hashem. Só isso!

O que é um Rebe?

Esta pergunta foi respondida em uma carta que o Rebe escreveu em Guimmel Tammuz, 1950, após o (histalkus) o Frierdiker Rebe ter “deixado” este mundo material.

Na carta é explicado que um Rebe é importante para cada judeu! O Rebe providencia todas as forças e benções que todos os judeus de sua geração precisam.

As almas  de todos os judeus são como um grande corpo. Um Rebe (letras que compõem o acróstico que significa as palavras “Rosh Bnei Yisrael,” cabeça dos filhos de Israel) é a cabeça. Assim como a cabeça distribui a vitalidade para todo o corpo, o Rebe traz o a mesma vitalidade de Hashem para o povo judeu.

O trabalho do Rebe é garantir que sua geração tenha o que precisa para cumprir seus objetivos especiais. O Rebe pede algo  a Hashem e  Hashem decreta, Hashem dá o que precisa e ajuda materialmente e espiritualmente. O Rebe também nos ajuda saber como servir a Hashem e fortalece a fé de cada judeu, e consola cada judeu que sofre.

O objetivo desta geração é, como o Rebe nos disse, trazer a Geulah, a Redenção, a Libertação. O Rebe garante que tenhamos tudo de que precisamos para cumprir nosso objetivo de trazer Mashiach agora!


O TRABALHO do REBE 

O Rebe revela em toda a sua plenitude a alma Divina, união integral com o Eterno, e orienta e da força para que cada judeu revele esta união. Cartas do Rebe para alguém que quer o Moshiach - “Você me escreve que se tivesse o poder para isso, teria subido e feito tremer os mundos para obter a revelação de Mashiach, que o povo merece. Entretanto, nenhum judeu e nenhuma judia recebem como missão a de subir e fazer tremer os mundos. Seu papel consiste em erigir uma morada para D'us aqui em baixo, com alegria e entusiasmo, graças à Torá e às Mitsvot, porque a ação é essencial, primordial. E assim, se os mundos devem tremer, eles o farão. Por outro lado, uma mulher, que é também dona de casa, deve se assegurar de maneira agradável e pacífica que tudo o que tem a ver com seu lar esteja de acordo com a Torá, da qual está escrito "todas as suas vias são paz". Além do mais, a ordem deve reinar, já que a desordem é a característica das forças do mal. Tudo isso deve ser realizado concretamente, porque foi aqui em baixo que a Torá foi entregue”.


 MEDO DE PERDER Dinheiro... 

- “Alguns se espantam, se assustam quando ouvem que cada judeu deve agir para que a redenção seja imediata. E, porque possuem pouca delicadeza, expressam sua pergunta de maneira brutal: ‘Se Mashiach chegar em breve, o que vai acontecer com tudo o que construímos durante os numerosos anos do exílio, nossos negócios, nossos bens, nossas posses, nossas relações com os judeus e com os não judeus, e em especial para aqueles que assumem uma função pública?´’ É preciso lhes dar a seguinte resposta: Não precisa ter medo! A redenção não vai eliminar a existência do mundo. Ela não vai fazer desaparecer todas as realizações positivas e que estavam de acordo com as prescrições da Torá, acumuladas durante o período do exílio. Pelo contrário, ela vai elevar essas realizações e vai libertá-las, levando-as assim à perfeição verdadeira”. (Discurso do Rebe, Shabat Acharei Quedoshim 5751-1991)

GUIMEL TAMUZ