O MÊS DE MENAHEM AV

O MÊS DE MENAHEM AV

Segundo a tradição judaica este mês é chamado de Menahem Av, o “Pai (AV) consolador (Menahem)”. Todavia, o adjetivo “consolador” é colocado antes do nome “Pai”, tão importante é este consolo, que se revelará totalmente com a vinda do Mashiach. Nossos sábios dizem que “logo que começa o mês de Av, diminui nossa felicidade”. A tradição hassidica propõe uma outra leitura para esta frase: “logo que começa o mês de Av, a gente diminui [o que parece negativo pela] felicidade”.

.O início do mês de Av é o momento de intensificar o estudo da Tora e o dom pela Tsedaka, assim que for dito “Tsion será liberado pelo julgamento (Torá) e seus cativos pela Tsedaka”. Segundo a tradição hassidica, é organizada diariamente, durante os nove primeiros dias deste mês, a conclusão de um tratado talmúdico, a fim de introduzir neste período, na medida do possível, toda a felicidade gerada pela Torá.

O Rabbi Shlita introduziu a prática de estudar as Leis do Templo durante as três semanas que separam o dia 17 Tamuz do dia 9 Av , mas particularmente durante os nove primeiros dias de Av. Na verdade, o estudo dessas Leis permite que seja considerado como se estivéssemos construindo o Templo e esse período deve, na hora da libertação, ser transformado em alegria e felicidade. Tal estudo é o meio de prefigurar a realização desta promessa.

O MÊS DE MENAHEM AV