traição

Adultério

II - Na Torá está escrito: “Lo taturu acharei levavchem” (não ireis atrás das inclinações de vossos corações). O Rebe ensinou: não se deve beber no copo e olhar para o copo do outro. Isto significa que não se deve casar com uma mulher e pensar em outra.

III - Quando existe libertinagem (adultério, imoralidade, frivolidade) e falta de modéstia num lar, é como se houvesse um verme dentro de uma cebola verde. Sem que se note, o verme destrui tudo. Da mesma maneira, se não se percebe a atitude errada, ela destrui a casa toda.

IV - Não pode se cometer um ato de libertinagem (adultério, imoralidade, frivolidade) que fique sem conseqüência.

V - Vemos que D’us demonstra paciência com todos os pecados cometidos pelo judeu até que eles façam tshuvá completa. Mas quando este pecado é Guilui Araiot (Adultério), D’us não espera muito tempo.

VI - Quando o homem comete adultério, a mulher acaba também fazendo-o.

VII - Quando o grande comete um pecado, o mais jovem começa a cometer isso também.

Rua Pompeu Loureiro, 40

Copacabana

 Rio de Janeiro - R.J.

CEP: 22061-000

Pergunte ao Rabino:

WhatsApp: (+5521) 964960222

Fixo: (+5521) 2256-3587

Copyright © RABINADO DO RIO DE JANEIRO