Boas dicas

BSD

Educação

2) “Rav disse a Rabi Chiá: em que consiste o mérito das mulheres? Elas levam seus filhos à sinagoga, mandam os maridos à casa de estudo e esperam sua volta”.

(Tratado Berachot)

3) “Os psicólogos modernos, os peritos em pedagogia e os educadores com experiência nunca descobriram que existe uma arma secreta para educar as crianças. Ela foi introduzida por Rabi Shimeon Bar Iochai há 1800 anos, no Zohar. Se trata das “velas do santo Shabat”, Nerot Shabat Codesh, cujas iniciais formam a palavra Neshec, arma. Elas iluminam a casa judaica a cada Shabat, e permitem que se entre nos dias da semana com alegria e tranqüilidade. O Zohar diz com respeito a isso que uma mulher pode, graças a elas, reparar a falta de Chava que “apagou a vela do mundo”. E muito mais que isso, acrescenta o Zohar, pelo mérito desta Mitsvá a mulher terá “filhos santos no mundo” e “dará ao marido uma longa vida”.

(De acordo com Licutei Sichot, volume 11, página 283)

5) “Todo Israel é comparado a um corpo único, o de Adam. Cada Judeu é um membro em especial. É por isso que um é fiador do outro, que um Judeu é responsável quando outro comete uma falta”.

(Ari Zal, Sefer Haguilgulim, 1, 2)

“Os Judeus são verdadeiramente irmãos, pela fonte da sua alma no D’us único. Somente os corpos estão separados. Esta é a razão pela qual a unidade é impossível entre aqueles para quem o corpo é essencial e a alma acessória. Eles só se unem quando encontram nele seu interesse”.

(Admor Hazaquen, Tania, Capítulo 32)

6) “A Rabanit Hana, mãe do Rebe Shlita, contou que seu filho, com a idade de dois anos, participou da noite do Seder de Pessach e fez as quatro perguntas. Com dois anos e meio, organizou-se certa vez um minian na casa do seu pai para a oração de Arvit. Ele pulou do berço e se juntou à oração. Sua mãe percebeu o ocorrido e o tirou, com medo do “olho grande”. Com a idade de Bar Mitsva, seu pai testemunha que ele era um dos grandes Gaonim do mundo”.

(Sefer Toldot Levi Itschac)